A Geração Beat
2554 views
29 de Junho de 2011
Introdução
Por que "beat"?
Beatniks ou Bitolados?
Contexto Histórico
Contracultura
Autores
No Brasil
Adaptações para o cinema
 
Você pode ajudar a construir este Laifi! Para inserir textos, imagens ou vídeos, passe o mouse sobre o lápis do item desejado e escolha "Incluir".

Dica: utilize esta barra ou o botão de rolagem do mouse para aumentar ou diminuir o zoom.
Dica 2: para navegar neste Laifi, clique em alguma região vazia e arraste-o para a direção desejada.

Laifis em destaque
Radiciação
21 postagens
Radioatividade
21 postagens
Leonardo Da Vinci
33 postagens
Introdução à Química Orgâ...
56 postagens
Biomoléculas
40 postagens

 

Por que "beat"? - A expressão "beat generation" surgiu em uma conversa específica entre Jack Kerouac e John Clellon Holmes em 1948. Discutiam a natureza das gerações, lembrando o glamour da lost generation (geração perdida), e Kerouac disse: "Ah, isso não passa de uma geração beat". Falavam sobre ser ou não uma "geração encontrada" (como Kerouac às vezes denominava), uma "geração angélica", ou qualquer outro epíteto. Mas Kerouac descartou a questão e disse "geração beat" - não para nomear a geração, mas para desnorteá-la. Trecho de The Beat Book, de Allen Ginsberg. Tradução de Claudio Willer. Retirado de: WILLER, Claudio. Geração Beat. Porto Alegre: L&PM Editores, 2009. p.7 O termo "beat" fazia parte do vocabulário "hipster", isto é, dos artistas marginais, "outsiders", de Nova York. Além disso, a expressão "hippie" nada mais é do que um diminutivo de "hipster", que definia os alternativos da segunda metade da década de 1960. O estudioso brasileiro da geração beat Claudio Willer ainda chama a atenção para a semântica da palavra "beat", que pode significar também a "batida" do jazz, gênero musical muito popular na época para aquele grupo de artistas em especial.
Laifi © 2011-2018 Idioma: Português (BR) | Sobre o Laifi | Termos de uso | Política de privacidade | Ajuda