Camarão, Caranguejos e Lagostas
46808 views
25 de Agosto de 2011
Tipos de Caraguejos (Siri)
 

 

 

 

Dica: utilize esta barra ou o botão de rolagem do mouse para aumentar ou diminuir o zoom.
Dica 2: para navegar neste Laifi, clique em alguma região vazia e arraste-o para a direção desejada.

Laifis em destaque
Tipos de Luvas
35 postagens
CTG (Centro de Tradições ...
29 postagens
Casas Estranhas
42 postagens
Meu bichicho de estimação...
32 postagens
Pizzas
45 postagens

 

Caranguejo - Caranguejos e Siris Do latim, Cancer e Carabus e do grego, Karkinos, o nome aplica-se a todos os crustáceos, decápodes braquiúros, caracterizados por terem 5 pares de patas e o abdome dobrado por baixo do cefalotórax. Os ameríndios chamavam de uçás os caranguejos terrestres, com patas terminadas em unhas, e de siris as espécies aquáticas ou nadadoras, com o último par de patas terminadas em remo ou foliáceas. Essa divisão é mantida até hoje pelos pescadores. Os caranguejos alimentam-se de detritos, restos de carne etc. As espécies que vivem em manguezais costumam sair de suas tocas em grande número na época da reprodução, período do ano no qual são capturados aos milhares e vendidos nos mercados, sobretudo no Nordeste e no Pára. No sentido mais restrito, chamam-se caranguejos as espécies do gênero uçá, família dos ocipodídeos, cujo habitat é o lodo. Os siris as espécies marítimas, de tamanho menor, da família dos portunídeos. Várias espécies de caranguejos possuem nomes específicos, como aratu, guaiá, guaiamu e chama-maré. Os caranguejos geralmente não são capazes de nadar. Os siris, entretanto, são nadadores ágeis devido, principalmente, ao último par de patas transformado em uma espécie de remo de barco, largo e achatado. O caranguejo-eremita ou paguro aloja o abdome em conchas vazias de moluscos gastrópodes (caramujos), arrastando-se quando se desloca. O abdome está modificado, encaixando-se nas câmaras espiraladas da concha. Um exemplo é o caranguejo-fantasma, um extraordinário corredor, podendo alcançar velocidade de 1,6 metro por segundo. Quando em velocidade máxima, o corpo fica bem levantado em relação ao substrato, que é tocado por apenas dois ou três pares de patas. Muitos caranguejos diminutos vivem no interior de animais maiores, como esponjas ou holotúrias.
Laifi © 2011-2019 Idioma: Português (BR) | Sobre o Laifi | Termos de uso | Política de privacidade | Ajuda