Anatomia óssea
216848 views
16 de Julho de 2011
Anatomia óssea
Tipos de ossos
Saliências e depressões
Ossos do crânio
Ossos da face
Ossos do ouvido
Coluna Vertebral
Tórax
Membros superiores
Membros Inferiores
Osso do Quadril
Pé - Ossos do Pé
 

 

 

 

Dica: utilize esta barra ou o botão de rolagem do mouse para aumentar ou diminuir o zoom.
Dica 2: para navegar neste Laifi, clique em alguma região vazia e arraste-o para a direção desejada.

Laifis em destaque
Consumo ideal de água
21 postagens
Chá verde, chá branco e c...
18 postagens
Métodos Contraceptivos
15 postagens
Alimentos que derrubam o ...
18 postagens
Benefícios do chimarrão
14 postagens

 

Pé - Ossos do Pé - Tarsos Os sete grandes ossos da porção proximal do pé recebem a denominação de ossos do tarso ou tarsais. Os nomes dos ossos do tarso são, calcâneo, tálus, cubóide, navicular, primeiro, segundo e terceiro cuneiformes. Os tarsos são maiores e menos móveis que os ossos do carpo, pois, fornecem a base de suporte do corpo, na posição ortostática. Algumas vezes os sete ossos do tarso são tratados como ossos do tornozelo, apesar de somente o tálus estar envolvido nesta articulação. Calcâneo O maior e mais forte osso do pé é este. Com freqüência a parte posterior é denominada de osso do calcanhar. À parte mais póstero – inferior do calcâneo contém um processo denominado tuberosidade. Certos tendões de grande tamanho encontram – se aderidos a esse processo áspero e estriado, no qual, em seus pontos mais amplos, podem ser observados dois pequenos processos arredondados, o maior é o processo lateral e o menos pronunciado é o processo medial. Uma outra protuberância óssea que varia de tamanho e forma e é visualizada lateralmente em uma incidência axial é a tróclea fibular, algumas vezes também denominada processo troclear. Na face proximal medial situa – se um processo ósseo mais proeminente denominado sustentáculo do tálus, que literalmente significa suporte para o tálus. Tálus O tálus é o segundo maior osso e está localizado entre a perna e o calcâneo. O peso do corpo é transmitido por intermédio desse osso através das importantes articulações do tornozelo e talocalcânea. Navicular O navicular é um osso ovalado, achatado, localizado na face medial do pé, entre o tálus e os três cuneiformes. Cuneiformes Os três cuneiformes, (em forma de cunha), estão localizados na porção média do pé, entre os três primeiros metatarsos distalmente e o navicular proximalmente. O maior cuneiforme, que se articula com o primeiro metatarso, é o cuneiforme medial (primeiro), o cuneiforme intermédio (segundo), se articula com o segundo metatarso, sendo este o menor deles. O cuneiforme lateral, (terceiro), articula – se com o terceiro metatarso, distalmente, e com o cubóide lateralmente. Por fim todos os três cuneiformes articulam – se com o navicular proximalmente. Cubóide O cubóide esta situado na face lateral do pé, distal ao calcâneo e proximal ao quarto e quinto metatarsos. Metatarsos São os cinco ossos da região dorsal do pé. Numerados juntamente com os dedos, ou seja, começando co o um na face medial e terminando com o cinco na face lateral. É provida de três partes, a parte distal redonda de cada metatarso é a cabeça do metatarso, temos o corpo do metatarso, a extremidade proximal expandida de cada metatarso é chamada de base. A parte lateral da base do quinto metatarso é chamada de tuberosidade do quinto metatarso, bem proeminente, local aonde vai se inserir um tendão.A porção proximal do quinto metatarso assim como a tuberosidade é prontamente visível nas radiografias e é um local comum de traumatismo na região podálica, por isso essa área deve ser bem visualizada nos exames radiográficos. Falanges São os ossos mais distais do pé, que formam os artelhos ou dedos do pé. São numerados de um a cinco, começando do lado medial ou do primeiro artelho. Preste atenção no primeiro artelho, ele terá apenas duas falanges, sendo elas as falanges proximal e distal. Do segundo até o quinto dedo nós teremos três falanges, a proximal, a medial e a distal. Quando você for se referir a qualquer um dos ossos ou articulação do pé, o dedo e o pé devem ser identificados da seguinte forma, a falange distal do primeiro artelho direito ou ainda falange distal do primeiro dedo do pé direito, desta maneira quem for analisar o exame não ficará com duvida de qual estrutura estamos tratando. Tendo em vista que as falanges distais do segundo ao quinto artelho são de tamanho bem reduzido, por ser difícil a visualização dos ossos separadamente na radiografia. Fonte: http://aprendendoanatomiahumana.blogspot.com/2008/12/continuao-esqueleto-apendicular.html
Laifi © 2011-2014 Idioma: Português (BR) | Sobre o Laifi | Termos de uso | Política de privacidade | Ajuda